Conheça as 12 tendências chaves para a inovação

Conheça as 12 tendências chaves para a inovação

Ainda que a incerteza marque 2017, estes são alguns padrões que acompanharão aqueles que trabalham em idealizar, criar e levar novidades ao mercado.

As pessoas que têm uma relação com o negócio de inovar vivem em constante busca por entender o que está por vir, neste negócio a parte de tendências toma outro tipo de relevância, porque muitas vezes (dependendo da categoria de consumo, empresa, tecnologia, etc) um processo completo de inovação pode durar mais de dois anos.

O principal acordo entre eles está relacionado com um 2017 onde a incerteza de novo se apodera do consumidor e o mercado deve seguir inovando para criar confiança, sempre baseado na premissa de produtos distintos (por funcional ou exclusividade) com uma equação de preço competitiva, sobre tudo nos mercados emergentes como os da região Latina.

Em termos gerais, podemos falar de 12 tendências que você pode ter em conta na hora de pensar seu plano de inovação de 2017.

Os grandes temas que moverão a Inovação Global:

1) Autonomia, a nova geração:

Não se trata somente dos carros, todos os produtos que de alguma forma se relacionam com comandos de voz que entendem ordens, sugerem e seguem instruções, alguns dispositivos como Alexa da Amazon sugere várias inovações relacionadas.

2) Multirealidades:

A massificação da Realidade Aumentada (como Pokémon Go) e a Realidade Virtual começarão a mudar a cara das diferentes empresas, além da forma como comunicam seus produtos no mercado. A inovação começa a explorar novas dimensões.

3) Abertura sensorial (e o exótico):

Os consumidores chamados “early adopters” estão buscando ter novas experiências sensoriais, o que está fazendo que sabores exóticos comecem a ter eco, enquanto as experiências ampliam espaços, odores e cores.

4) Tecnologia e saúde:

Desde dispositivos de monitoramento de níveis vitais até programas para dietas onde uma colher vigia a ingestão de calorias, a inovação na saúde começará a andar de mãos dadas com a tecnologia impactando diferentes indústrias enquanto chega as massas.

5) Classe média emergente:

O incremento do acesso bancário e de crédito está criando um grande segmento socioeconômico que está disposto y ávido a novos produtos, longes do chamado “Consumidor de baixa renda” este grupo está relacionado com inovações disruptivas.

6) Bem comum perante a todos:

Os grandes inovadores estão preocupados com a segurança, pobreza, contaminação e desequilíbrio na alimentação. Os novos produtos seguirão buscando ser limpos, autênticos, saudáveis e justos com todos os grupos sociais.

Os temas que evoluem a forma de criar inovação:

7) Colaboração:

Criar processos de inovação com Universidades, Institutos governamentais, departamentos de design, outras categorias e outros entes fora do contexto conhecido é cada vez mais relevante, a partir da necessidade de múltiplos pontos de vista.

8) Laboratórios Vivos:

Provar produtos (com tudo o que isso implica) em seções em grupo várias e várias vezes, atrasa a ida desse produto ao mercado. Provar produtos em modo beta em zonas urbanas específicas e revisar a reação real do mercado terá mais relevância.

9) Multifornecedores:

Ficaram para trás os dias que somente os jogadores de nome podiam trabalhar com clientes globais. A nova cena convida a mistura de talentos entre grandes e pequenas consultorias e agências, enriquecendo a qualidade enquanto melhoram os orçamentos.

10) Criatividade sem limite:

Festivais como CannesLions premiam os profissionais de marketing e agências mais inovadoras que começam a focar sua estratégia para novas produtos que têm importância como geradores de marcas sólidas no mercado.

11) Multidisciplinar:

Antropólogos, economistas, engenheiros, artistas, advogados e fotógrafos… todos são bem-vindos no mundo da inovação, a ideia de juntar equipes onde várias formas de pensar criam um projeto inspira aos gerentes a pensar fora da caixa.

12) Protótipos de inspiração:

Os grandes como Google já o fazem faz tempo, complementar os processos de pensamento inicial de inovação a ideia de criar primeiras versões da ideia com uma cartolina, lápis de cores, tela e papel, inspirando o ciclo tentativa-erro.
Texto traduzido de: https://www.forbes.com.mx/conoce-las-12-tendencias-clave-para-la-innovacion/

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *