Como dar feedback aos seus colaboradores

Como dar feedback aos seus colaboradores

Parte fundamental do seu papel de líder é felicitar aos membros da sua equipe pelo seu trabalho e mostrar a eles os pontos onde devem melhorar, mas estas conversas serão efetivamente mais produtivas se você seguir estes oitos conselhos:

Uma parte fundamental do seu trabalho como líder de equipe é realizar feedbacks necessários para todos saibam quando estão fazendo um bom trabalho ou em que áreas devem melhorar.

Aqui deixamos para você alguns conselhos para que essas conversas sejam produtivas:

Ganhe confiança

Se você quer que seus comentários tenham impacto, você deve trabalhar todos os dias em ganhar confiança com os membros de sua equipe. Se seus colaboradores não enxergam seu compromisso com o trabalho ou o interesse em que se desenvolvam como profissionais, todas as suas recomendações irão por água a baixo. Recorde que as ações dizem mais do que as palavras.

Fale na boa e na ruim

Enfatize as boas ações de sua equipe, mas não temas falar também sobre o que não deu certo. Para evitar sobrecarregar seu colaborador, não espere juntar todas as suas queixas e dá-las em um mesmo momento, pois só conseguirá que a pessoa se sinta atacada. É melhor apontar a tempo o que deve melhorar e sempre reconhecer os esforços que realizam para cumprir com os avanços.

Seja oportuno

Supere o medo de dar feedback e trate de dar logo depois de acontecer a ação em questão, de modo que as pessoas ainda tenha fresca em suas mentes o que ocorreu. Seus comentários terão um maior impacto que se esperar até a avaliação semestral para apontar os problemas.

Seja conciso

O melhor é ir diretamente ao ponto. Se você tratar de suavizar seus comentários, enterrando-os em uma conversa mais longa, é possível que sua mensagem não seja entendida claramente, o que dará margem para uma confusão entre as suas expectativas e as do colaborador.

Seja específico

Se você vê que um projeto não avança, não é o mesmo dizer: “Necessito que me diga como está o andamento” do que “Faremos uma reunião na sexta-feira de dois minutos para revisar os progressos”. No primeiro caso, a ordem é vaga e não há ações claras para se realizar.

Isto também se aplica quando seus comentários são positivos. No lugar de felicitar a alguém dizendo que sua apresentação foi excelente, enfatize que se destacou porque utilizou métricas atualizadas e relevantes e incluiu propostas fundamentadas nas metas anuais da área, por exemplo.

Ponha os olhos no futuro

Sempre pergunte ao colaborador por quê agiu daquela maneira, de modo que você entenda suas razões e entre os dois possam desenvolver um plano seja para repetir os bons resultados obtidos ou para evitar novos equívocos.

O objetivo é que não assuma as razões pelo qual ele agiu daquela maneira e sim que ambos analisem a situação olhando para momentos que estão por vir, para evitar que o feedback seja recebido como um ultimato.

Não compare

Evite comparar o trabalho de uma pessoa com algum companheiro, sem se importar se a comparação seja positiva. Fazê-lo dá a sensação de que uma pessoa é o padrão de comparação entre todos e isso poderá afetar a colaboração entre a equipe.

O que se pode fazer é comparar comportamentos passados do colaborador com os atuais, seja para mostrar avanços ou retrocessos.

Fale no privado

Seu colaborador estará mais disposto a escutar e discutir seu comportamento e as possíveis soluções. Se existem mais pessoas presentes, poderá se sentir um alvo ou atacado e se fechar a mensagem que você quer passar. Também pode provocar que se sinta inseguro ou observado, um estado que não é propício para conseguir as melhorias que são necessárias.

Junto com as felicitações, seja consciente da mensagem que dá ao resto da equipe, pois poderiam apontar o colaborador destacado como o seu favorito, especialmente se estes reconhecimentos públicos se centram sempre somente em alguns membros da equipe.

 

Texto traduzido de: http://www.elfinanciero.com.mx/management/como-dar-retroalimentacion-a-tus-empleados.html

 

 

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *